Pesquisar este blog

sábado, 6 de agosto de 2011

Tríduo à Santa Rita

Oração para todos os dias
Pelo sinal da santa cruz livrai-nos Deus de nossos inimigos


Ato de contrição.
Meu Senhor Jesus Cristo, Deus e homem verdadeiro, em quem creio e a quem amo sobre todas as coisas, pesa-me de todo Coração de vos ter ofendido com tantas e tão repetidas culpas, porque sois infinitamente bom e digníssimo de ser amado.
Soe já em minha alma o eco de vossa voz dulcíssima toda poderosa, para que a desperte do sono de morte, distraída pelas coisas deste mundo.
Muito vos tenho ofendido, amorosíssimo Pai meu; fazei, pois, que me arrependa e chore meus erros passados afim de que mereça amar-vos e alcançar o céu. Amém.

Rezar a oração do dia que corresponda e depois a oração final:


Oração final para todos os dias
V. Rogai por nós, Santa Rita.
R. Para que sejamos dignos das promessas de Jesus Cristo.


Oração: Deus, que vos dignaste dar tanta graça a Santa Rita que amava os inimigos e levava em sua fronte e no coração os sinais de vossa caridade e paixão, vos rogamos nos concedas que do mesmo modo perdoemos aos nossos inimigos e contemplemos as dores de vossa Paixão, para que consigamos os prêmios prometidos aos mansos e aos que choram.
Vós que vives e reinas pelos séculos dos séculos. Amém.


Primeiro Dia
Oração: Diante de vós, oh! gloriosa advogada Santa Rita!, minha alma sente hoje a necessidade de invocar-vos, e com grande esperança recorrer a vosso refúgio como padroeira dos casos mais desesperados.
Vós, que tão bem haveis entendido a expressão evangélica que diz "serão bem-aventurados os pobres porque deles é o reino dos céus", e que vos despojastes de todas as coisas deste mundo, desprende meu coração dos afetos aos bens desta terra que o aprisionam, e fazei que incessantemente e com firmeza de propósito reflita nas palavras do Divino Mestre, que dizem:
"que servirá ao homem ganhar todo o mundo se perde sua alma?"
Máxima: O desprendimento dos bens da terra, ou seja a pobreza evangélica, é uma grande riqueza para o céu e um tesouro preciosíssimo. (São João Crisóstomo.)
Propósito: Mediante a proteção de Santa Rita, proponho romper os laços que tem ligado meu afeto as vaidades deste mundo.
Terminar com 3 Pai-Nossos, Ave-Maria, Glória e a Oração Final.


Segundo Dia
Oração: Não basta, gloriosíssima Santa Rita, protetora minha, que eu caminhe pela senda do bem, no qual não sou perseverante.
Vós, pois, que fostes modelo de cristã constância em praticar a virtude, alcançai-me força para que daqui em diante mais e mais tenha santos costumes em que, com a graça de Deus, procurando copiar em minha vida a do justo, que semelhante a aurora que cresce até o perfeito dia, a fim de que fique bem impressa em minha alma a sentença do Divino Mestre que diz:
" Aquele que perseverar até o fim, será salvo."
Máxima: No caminho da salvação, todos devemos correr sem voltar atrás até que cheguemos ao término e manter sempre vivo o desejo de correr mais. (Santo Agostinho.)
Propósito: Suplicarei sempre ao Senhor, muito especialmente na Sagrada Comunhão, o dom da perseverança final.


Terceiro Dia
Oração: Oh! gloriosíssima protetora minha Santa Rita!, me é necessário desprezar os insultos e mentiras dos ímpios, que com toda astúcia procuram levar-me por caminhos de sua malícia, não obstante, é tão grande minha fragilidade, que me assusta esse temor vão.
Vem, pois, em minha ajuda, Santa bendita, com vosso patrocínio, para que seja imitado vosso deprezo aos que zombam da doutrina de Jesus Cristo, e possa livremente dizer com São Paulo:
"Eu não me separo do Evangelho." Deste modo nada será capaz de separar-me do serviço de Deus.
Máxima: De nada serve a agradar os homens, nunca devemos desagradar com ofensas a Deus. (Santo Agostinho.)
Propósito: Quando estiver em meio dos que professam contra as verdades da Igreja Católica, deverei sustentar a verdade dita por Jesus:
"Tu és Pedro e sobre ti edificarei a minha Igreja".
Terminar com 3 Pai-Nossos, Ave-Maria, Glória e a Oração Final.

Nenhum comentário:

Postar um comentário