Pesquisar este blog

sábado, 6 de agosto de 2011

Tríduo Milagroso de Nossa Senhora das Graças

Tríduo da Medalha Milagrosa de Nossa Senhora das Graças


Oração para todos os dias:
Oh! Maria, sem pecado concebida, vede-me prostrado a vossos pés, cheio de confiança.
Esse vosso rosto puríssimo, esse amável sorriso de vossos lábios, essas mãos cheias de celestiais bençãos, essa atitude amorosa que haveis adotado para receber aos que vem a Vós, esses olhos fixos na terra para observar nossas necessidades e vir em nosso auxílio, tudo, tudo me inspira amor, confiança e completa segurança.
E como se isto fora pouco para tirar de nós toda dúvida haveis empenhado somente vossa palavra em favor dos que levam a Santa Medalha, dizendo a vossa serva, Soror Catarina Labouré:
"Quantos levarem esta Medalha, alcançarão especial proteção da Mãe de Deus."
Mãe minha amantíssima:
Vos sabeis que a levo sobre meu peito, que a beijo com amor e que Vos invoco com freqüência.
Realizai, pois, em mim vossas promessas;
Vinde em meu auxílio, cubri-me com vossa proteção, para que Jesus se apiede de minha pobre alma e mereça conseguir por vosso meio a graça, que pretendo com este tríduo a vossa Santa Medalha.

Oh! Maria, sem pecado concebida; rogai por nós que recorremos a Vós.

Rezar as orações do dia que corresponda:


Primeiro Dia: Nome de Maria
Entre as lembranças que a Santíssima Virgem tem querido deixar-nos na Medalha Milagrosa, um dos mais singulares é o de seu dulcíssimo Nome, escrito na jaculatória que rodeia sua sagrada imagem.
Nome excelso, Nome grande, Nome ilustre e singular, que encerra em si todas as virtudes com que Deus adornou Maria, Nome que acalma as aspirações de toda a terra, Nome que anuncia a felicidade aos mortais, Nome que pronunciam com entusiasmo os Anjos, que regozija a corte celestial;
Nome de quem podemos dizer como São Bernardo que não é um nome vazio de significação, como o dos heróis do mundo, mas sim que encerra em si a mais positiva grandeza.
Nome dulcíssimo, que suaviza os males do homem e é o apogeu mais sólido de suas esperanças, a prenda mais segura de seu porvir.
Oh! Maria! Qual sois Vós mesma, se somente vosso nome é tão amável e tão gracioso?
Oh! Santíssima Virgem Maria!, exclama São Bernardo, vosso Nome é tão doce e amável, que não pode pronunciar sem que deixe inflamado de amor e favorecido a quem o invoca.
Nome augusto de Maria, teu serás para minha alma a escada bendita que me conduzirá ao reino dos céus.
Pede-se a graça, rezando depois três Ave-Maria precedidas da jaculatória:
Oh! Maria, sem pecado concebida; rogai por nós que recorremos a Vós!

Oração de Santo Atanásio
Acolhe, Oh! Santíssima Virgem, nossas súplicas e lembrai-vos de nós.
Dispensai-nos os dons de tuas riquezas.
O Arcanjo Vos saude como cheia de graça.
Todas as nações Vos chamam bem aventurada, todas as hierarquias do céu Vos bendizem, e nós, que pertencemos a hierarquia terrestre, dizemos também:
Deus te salve, Oh! cheia de graça, o Senhor é contigo, rogai por nós, Oh! Mãe de Deus, Nossa Senhora e nossa Rainha. Amém.


Segundo Dia: Concepção de Maria
Depois do Nome de Maria, aparece na Medalha Milagrosa o mistério de sua puríssima Concepção, o mais glorioso privilégio de tantos que concedeu a Augustíssima Trindade.
Esta Medalha tem nos recordado constantemente seus triunfos sobre a infernal serpente, pisando com o maior triunfo a orgulhosa cabeça de Lúcifer e rompendo as duras cadeias com que estavam aprisionados os filhos de Adão.
Pelo mesmo, a Medalha Milagrosa, ao confessar o mistério da Concepção Imaculada de Maria, nos informa que a Santíssima Virgem é a corredentora do universo, a tesoureira dos dons do Altíssimo, a fiadora entre Deus e os homens, a que realizou do modo mais singular a paz e reconciliação do gênero humano.
Já não podemos estranhar que a Santíssima Virgem ao ser invocada com uma oração que tão alto indica suas grandezas, tem já querido vincular nela toda sorte de favores.
Recordemos, uma vez mais, suas palavras:
"Quantos piedosamente levarem esta Medalha e devotamente rezarem esta oração:

Oh! Maria, sem pecado concebida, rogai por nós que recorremos a Vós!
Alcançaram particular proteção da Mãe de Deus.
Repitamos, pois, sem cessar, essa linda jaculatória.
Seja ela o suave e delicioso alimento de nossas almas.
Rezando em todos nossos perigos, em nossas angústias, em nossas alegrias, e sobre tudo na hora de nossa morte:

Oh! Maria, sem pecado concebida, rogai por nós, que recorremos a Vós!
Assim seja.


Oração de Santo andré
Oh! Maria!, se ponho minha confiança em Ti, serei salvo;
Se me colocar abaixo tua proteção, nada hei de temer, porque ser teu devoto é ter armas seguras de salvação, que Deus concede aos que quer salvar. Oh! Mãe de misericórdia!.
Intercedei por nós e na hora de nossa morte recebei-nos em teus braços e apresentai nossas almas a teu divino Filho, Jesus, e isto será bastante para que Ele nos olhe com amor e nos receba em seu reino. Amém.


Terceiro Dia: Proteção de Maria
Medalha Milagrosa, ao confessar o mistério da Concepção Imaculada de Maria, garante o auxílio divino a quantos a levam consigo.
A Santíssima Virgem, disse São Bernardo, é muito cortês e agradecida, tanto que não permite seu Coração que o homem a saude e sim que a saude de uma maneira inefável.
Esta súplica: "rogai por nós, que recorremos a Vós" vem a ser fonte sagrada de vida, de graça e de santidade;
Remédio de todas as enfermidades, alegria dos aflitos e doce esperança dos pecadores.
Recorramos, pois, a Maria, em todas as nossas necessidades da alma e do corpo.
Invoquemos e digamos com freqüência:

"Oh! Maria, sem pecado concebida, rogai por nós, que recorremos a Vós!", e esta oração tão grata a Mãe de Deus, será o suficiente para aliviar-nos e socorrer-nos.
Se a enfermidade vier visitar-nos, ela nos curará, e se a saúde não convém aos planos de Deus, Maria concederá a graça de suportar a dor com cristã resignação.
Se o desalento quer apoderar-se de nós e a tristeza submergir-nos em um mar de desolação, repitamos a jaculatória da Medalha, e a Virgem nos consolará, porque é Mãe dos aflitos, alívio de nossos males e eficaz remédio para todos os sofrimentos do humano coração.
Com a ajuda de Maria mesmo que cheios da culpa, nossa morte será preciosa aos olhos do Senhor. Assim seja.


Oração de São Germano

Oh! minha única Senhora e única alegria de meu coração!
Já que sois o celestial dom que refrigera minhas penas;
Vós que sois a luz de minha alma quando se encontrar rodeada de trevas;
Vós que sois minha fortaleza nas debilidades, meu tesouro na pobreza e a esperança de minha saúde e, ouvi minhas humildes súplicas e compadei-Vos de mim, como corresponde a Mãe de um Deus, que ama tanto aos homens.
Concedei-me a graça de aproveitar contigo no céu, de viver contigo no Paraíso.
Eu sei que sendo Vós a Mãe de Deus, se queres, podeis alcançar me esta graça;

Nenhum comentário:

Postar um comentário