Pesquisar este blog

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Oração de Santo Agostinho

Senhor meu Jesus Cristo, que para redimir ao mundo e livrá-lo do inferno quiseste nascer entre nós pobre e mortal, ser circuncidado, reprovado e perseguido pelos judeus, vendido por Judas vosso discípulo com um beijo sacrílego, e, qual manso e inocente cordeiro, atado com cordas, e arrastado ignominiosamente aos tribunais de Anais, Caifás, Pilatos e Herodes; quisestes ser acusado por falsos testemunhos, destroçado com açoites e coroado de espinhos, esbofeteado, escarrado, coberto por escárnio vosso divino rosto, vilipendiado de mil maneiras, ultrajado, acumulado de calúnias e ignomínias, e finalmente despojado de vossas vestes, cravado e levantado em uma cruz entre dois ladrões, amargurado com fel e vinagre, e traspassado com uma lança quisestes consumar a grande obra de nossa redenção.
Eis! piedosíssimo Redentor meu, por estas tão grandes e cruéis penas que padecestes por meu amor, e que eu, ainda que sumamente indigno, vou meditando pela santa cruz e por vossa amarguíssima morte, livrai-me das penas do inferno, e dignai-vos acolher-me no paraíso, a onde conduziste ao ladrão arrependido, crucificado convosco, Jesus meu, que com o Pai e o Espírito Santo viveis e reinais por todos os séculos dos séculos.
Assim seja.

Nenhum comentário:

Postar um comentário