Pesquisar este blog

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Oferecimento (Nossa Senhora Auxiliadora)

Ensinai-me, oh! Maria Auxiliadora, a ser doce e bom em todos os acontecimentos de minha vida;
Nos desenganos, no descuido de outros, na falta de sinceridade daqueles em quem acreditei, na deslealtade daqueles em quem confiei.
Ajudai-me a esquecer de mim mesmo para pensar na felicidade dos outros; a ocultar meus pequenos sofrimentos de tal modo que seja eu o único que os padeça.
Ensinai-me a tirar proveito deles, a usá-los de tal modo que me suavizem, não me endureçam nem me amarguem;
Que me façam paciente e não irritável; que me façam amplo em minha clemência e não estreito e despótico.
Que ninguém seja menos bom, menos sincero, menos amável, menos nobre, menos santo por ter sido meu companheiro de viagem no caminho até a vida eterna.
Amém

Nenhum comentário:

Postar um comentário